Páginas

[Resenha] Estrelas da sorte - Nora Roberts

Título: Estrelas da sorte (Os guardiões #1)
Autor (a): Nora Roberts 
Publicação: Arqueiro - 2018
Número de páginas: 288
Onde encontrar: Amazon, Skoob
Nota: 🌟🌟🌟

"Como uma família, pensou Sasha. Eram como uma família. Independentemente do que acontecesse no dia seguinte, hoje ela tinha uma família."
Sasha desde sempre é perturbada com sonhos estranhos e para lidar com isso ela desabafa em pinturas incríveis. Todos esses sonhos parecem estar relacionados ao futuro e quando ela não vê mais saída para parar de ser perturbada pelos sonhos, ela resolve segui-los. E assim que ela chega na ilha de Corfu, na Grécia. Lá seus sonhos a levam a pessoas totalmente desconhecidas para ela, que foram igualmente atraídas e pelo que tudo indica elas também tem um dom diferenciado. Sasha é o elo que os une para uma grande missão e uma grande aventura.
"Ah. Geralmente significa que só posso esperar milagres depois de trabalhar um pouco."
"É justo. Para merecer milagres, é preciso esforço e fé."
Eu amo Nora Roberts desde que li o "Quarteto de noivas". E escolhi ler essa nova série dela, lançada pela Arqueiro, para dar continuidade da leitura de títulos da autora. Acontece que eu fui totalmente no escuro para essa leitura, eu não sabia absolutamente nada sobre a mesma, mas no fundo esperava um romance gostoso e fui totalmente surpreendida. Acontece que essa história é sobre um grupo de amigos cheios de poderes sobrenaturais numa missão de resgate. E é cheia de elementos fantásticos! Dentro dessa história conhecemos uma lenda e é a partir dessa lenda que a história se desenrola. 
E como se trata do primeiro volume de uma série, ele nos apresenta a motivação desses "heróis", a história deles, como funciona seus dons e o desenvolvimento do relacionamento deles. Além de Sasha são mais 4 personagens. Sasha é a típica heroína complexada, negativa, que não acredita no seu potencial, que não aceita seu dom e etc. Boa parte da história seus amigos tem de estar motivando ela o tempo todo e isso é muito chato! Acho que a autora usou isso para desenvolver a mesma durante a série, mas eu não consigo mais ler histórias que a mocinha feminina é tão insegura e que só começa a acreditar em si porque os outros ficam motivando-a. Os demais personagens vão chegando a medida que a história vai avançando e eles são igualmente peculiares e interessantes. Eu gostei muito deles!
"Somos como os malditos Vingadores. Aquela deusa filha da mãe vai perder feio."
A escrita de Nora costuma me agradar por ser bem gostosa de se ler. O que eu não gosto MESMO é da quantidade de páginas dentro de um capítulo. Socorro, eu tenho pavor de capítulos grandes! Mas gosto da forma como a autora constrói as histórias, cria a personalidade dos personagens e o relacionamento entre os personagens. Apesar disso, eu nunca tinha lido uma história de fantasia da autora, apenas romances e eu senti MUITO  a diferença. Ao longo da leitura eu simplesmente esquecia que estava lendo Nora Roberts. Confesso que essa história demorou muito de me agradar, só aconteceu lá quase no fim desse primeiro volume e isso me deixou bastante chateada. Eu levei alguns dias para terminar uma leitura de 288 páginas!! E eu tinha a impressão de que a história não saia do lugar! Só tinha a protagonista precisando sempre de apoio emocional e de um empurrãozinho para as coisas acontecerem. Muito cansativo. 
Inicialmente fiquei muito descontente com essa experiencia, mas acontece, né? Nem tudo são flores hahahah! 


Mas lá pro final as coisas começam a ficar melhores, os dons dos personagens começam a ser revelados e são muito legais! Fica uma mistureba de gente nesse grupo que me fez ter curiosidade em relação aos próximos volumes. Além disso um romance se desenrola e eu gostei bastante. Não me importo da existência de uma romance em uma história de fantasia, na verdade eu até gosto que tenha, dese que não se sobreponha a história principal. E é o que eu espero para o próximo volume. Quero mais ação, mais aventura e mais cenas que envolvam os dons dos personagens!
"O amor flui dele para ela. Suave e generoso, feroz e determinado, poderoso e fraco. Uma promessa ainda não feita. Tudo o que ela sentia por ele, ele sentia por ela."
Se for parar para analisar, não foi um livro que amei, mas também não detestei... foi apenas razoável. Mas mesmo assim quero ler o próximo volume para ver onde as coisas vão dá. Quem gosta dessa histórias assim, meio doidas, cheio de lendas misturadas e dons exóticos, grupos de amigos e aventura fantásticas, quem sabe não goste, né?  
"Acredito que a vida, quando há o desejo de lutar por ela, vence. Acredite na vida. Acredite em si mesma e no que há em você."

0 comentários:

Deixe seu comentário